Contribuição Sindical

Prezado Editor,

Com a vigência da Reforma Trabalhista (Lei 13.467) desde 11 de novembro de 2017, a Contribuição Sindical Patronal Urbana passou a ser facultativa, conforme inscrito no Art. 578 da CLT.

O mesmo artigo indica que os empregadores que optarem pelo recolhimento da Contribuição Sindical devem fazê-lo até o dia 31 de janeiro de cada ano.

Passado este prazo, a empresa fica sujeita a uma multa de 10% (dez por cento), nos trinta primeiros dias, com o adicional de 2% (dois por cento) por mês subsequente de atraso, além de juros de mora de 1 % (um por cento) ao mês e correção monetária.

Entidade responsável pela arrecadação deste imposto, o Sindicato Nacional dos Editores de Livros informa que a Guia de Recolhimento poderá ser paga em qualquer agência da Caixa Econômica Federal, casa lotérica ou agência bancária integrante do sistema de arrecadação de tributos federais. VEJA AQUI O PASSO A PASSO.

O valor da Contribuição é proporcional ao capital social da empresa, de acordo com ESTA TABELA (2018).

  • Gere aqui a Guia de Recolhimento 2018 (Abra o link no navegador Internet Explorer)
  • Acompanhe o passo a passo para gerar a Guia
  • Cadastre-se – Se você vai fazer sua contribuição sindical pela primeira vez, será necessário se cadastrar no sistema do SNEL. Clique aqui para se cadastrar

MAIS:

  • Perdeu o prazo da Contribuição Sindical Patronal 2017? Saiba como realizar o pagamento após a data de vencimento aqui
  • Está em atraso com a Contribuição Sindical de anos anteriores? Acesse as tabelas para calcular o valor a ser pago: 2013 | 2014 | 2015 | 2016 Em seguida, leia as orientações para o pagamento.

.

voltar